quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

Desculpas

Eu quis te ver triste .
Eu quis te ver sofrer .
O ciumes tomou conta do meu ser .
Eu quis te ver longe .
Eu quis te ver ausente .
Não me importei com seus sentimentos .
Não me coloquei em seu lugar .
Apesar de muitas vezes me ver iludida .
De saber exatamente o sabor de ser enganada .
Maltratada ...
Fui insensível ...
Te fiz provar da angustia ...
Me culpo , mesmo sem ser totalmente culpada .
Agora é tarde .
O mal já foi feito .
Não posso pedir que me perdoe , pois eu mesma não consigo fazê-lo .
Levo o aprendizado :
Não brincar , pois posso ser eu a tomar o seu lugar

4 comentários:

Gabriel disse...

Há erros (quase) imperdoáveis, que muitas vezes cometemos e só depois nos acomete de que erramos.

Mas só o tempo é o melhor juíz de todas as coisas.

Bom post ;)

PS.: Obrigado pelo carinho do comentário e por agora acompanhar meu blog. Eh um enorme prazer ter companheiros escritores dando uma opinião em meus textos.

Moni disse...

oi Adriana
Tudo bom querida
Gostei do texto
Lindo e verdadeiro
Pois nem tudo que é lindo é felicidade.

Gostei beijos
ate mais

Moni ( sem um pedaço)

Anônimo disse...

só a falta que sinto de ti é o que me machuca.

suenny disse...

Nossa,Dry,Lindu...
Sei lá profundo...
gostei mto.Ñ sei nem o que falar,quer dizer,digitar!!!
xau...
bju...